1979 - 7ª Corrida - GP de Mônaco

Ir em baixo

1979 - 7ª Corrida - GP de Mônaco

Mensagem  Saimon em 2/5/2013, 21:34

Data fictícia: metade do mês 6

Circuito: Monte Carlo

Extensão: 3,312 km (76 voltas, 251,712 km no total)


Comentários iniciais:

O tradicional e glamouroso circuito de Monte Carlo é belo, sinuoso e desafiador. Os guard-rails beirando a pista transformam qualquer erro dos pilotos em acidente. O asfalto abrasivo e as ondulações seguem presentes, levando as equipes a dar atenção especial para pneus e suspensões. A característica do traçado dificulta as ultrapassagens, conseguidas apenas com muita habilidade.


Condições Climáticas:


Treinos: ensolarado, 24 a 27°C, pista seca (nenhuma possibilidade de chuva)

Corrida: ensolarado, 23 a 26°C, pista seca (nenhuma possibilidade de chuva)


Prazo para envio de alterações nos formulários de corrida: 12:00 de 15/10/11 (sábado)

Obs.: horário de Brasília. Caso queiram enviar o formulário secretamente, o e-mail é: saimonbcruz@yahoo.com.br
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2379
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Treinos

Mensagem  Saimon em 8/6/2018, 11:16

Sábado ensolarado no principado de Mônaco. A F1 chega a um de seus palcos mais tradicionais para dar seguimento à intesa luta pelo campeonato, tendo muitos candidatos ao título.
Tambay abre o treino virando 1'27"78.
Rosberg faz 1'27"12.
Arnoux marca 1'27"34
Pironi vira 1'27"31.
Mass vem para sua volta. O alemão registra 1'28"29.
Peterson faz 1'26"78.
Patrese marca 1'27"02.
Cheever vira 1'27"44.
Cevert crava 1'28"00.
Mansell faz 1'28"20.
É a vez de Jabouille. O francês marca o tempo de 1'27"52.
Jarier erra na freada da Mirabeau e passa reto, parando no guard-rail. Tudo bem com o francês, mas que dificilmente volta para o treino.
Laffite vira 1'27"05.
Stuck marca 1'27"83.
Winkelhock faz 1'27"77.
De Angelis vira 1'27"27.
Pryce registra 1'27"20.
Piquet marca 1'27"90. Treino ruim da Winhill.
Hunt vira 1'27"29.
Jones faz 1'26"96. Os Savoia dominam até aqui.
Fittipaldi marca 1'26"79 e coloca-se entre os Savoia.
Lauda vem para sua volta. O austríaco registra 1'26"75 e supera Peterson por apenas três centésimos.
Andretti fecha a primeira sessão com o tempo de 1'26"92, que lhe dá o quarto lugar.

Classificação - 1ª Sessão:

Niki LAUDA (Potere/Ferrari/Goodyear) 1'26"75
Ronnie PETERSON (Savoia/Savoia/Michelin) 1'26"78
Emerson FITTIPALDI (Fittipaldi/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'26"79
Mario ANDRETTI (Potere/Ferrari/Goodyear) 1'26"92
Alan JONES (Savoia/Savoia/Michelin) 1'26"96
Riccardo PATRESE (Biscazzi/Alfa Romeo/Goodyear) 1'27"02
Jacques LAFFITE (Biscazzi/Alfa Romeo/Goodyear) 1'27"05
Keke ROSBERG (Williams/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"12
Tom PRYCE (Fittipaldi/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"20
10º Elio DE ANGELIS (Williams/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"27
11º James HUNT (Tyrant/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"29
12º Didier PIRONI (LPR/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"31
13º René ARNOUX (Bleutter/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"34
14º Eddie CHEEVER (LPR/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"44
15º Jean-Pierre JABOUILLE (Renault/Renault/Michelin) 1'27"52
16º Manfred WINKELHOCK (Nürburg/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"77
17º Patrick TAMBAY (Bleutter/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"78
18º Hans STUCK (Tyrant/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"83
19º Nelson PIQUET (Winhill/Winhill/Goodyear) 1'27"90
20º François CEVERT (Winhill/Winhill/Goodyear) 1'28"00
21º Nigel MANSELL (Avanti/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'28"20
22º Jochen MASS (Avanti/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'28"29
23º Jean-Pierre JARIER (Renault/Renault/Michelin) sem tempo

Tambay abre a segunda sessão virando 1'27"92, não melhorando seu tempo.
Rosberg voa baixo nas ruas do principado e marca 1'26"50, pulando para a ponta. Grande volta do finlandês.
Arnoux vira 1'27"11 e sobe para nono. Excelente volta do francês.
Pironi erra na tomada da Tabac e espalha, batendo no guard-rail. O piloto sai ileso. O treino é interrompido para limpar a pista.
Após alguns minutos de trabalho dos fiscais de pista, o treino é retomado e Mass vai para a pista. O alemão registra 1'28"05 e supera seu companheiro.
Peterson vira 1'26"71 e passa Lauda, ficando na segunda posição.
Patrese faz 1'26"70 e pula para segundo.
Cheever marca 1'27"20 e sobe três posições.
Cevert registra 1'27"69, suficiente para lhe colocar na décima sexta posição. A Winhill parece não ter encontrado o melhor acerto hoje.
Mansell vira 1'28"25 e não melhora seu tempo.
Jabouille marca 1'27"34 e melhora seu tempo, mas não a posição.
Jarier, com o carro avariado na primeira sessão, está fora do treino.
Laffite faz 1'26"94, sétimo tempo até aqui.
Stuck vira 1'27"76 e ganha duas posições.
Winkelhock vem para sua volta. O alemão registra 1'27"47 e sobe duas posições.
De Angelis marca 1'27"23 e pouco melhora seu tempo.
Pryce faz 1'26"70 e iguala o tempo de Patrese, ficando na terceira posição no momento. Boa volta do inglês.
Piquet vira 1'27"64 e pula para décimo sétimo. Desempenho sofrível da Winhill nesta tarde.
Hunt tem problemas mecânicos e não consegue sair dos boxes para a segunda sessão.
Jones faz 1'26"68 e pula para segundo.
Fittipaldi marca 1'26"61 e toma a segunda posição. E Rosberg vai ficando com a pole até o momento.
Lauda acaba com a festa da equipe Williams ao anotar 1'26"49 e superar Rosberg por apenas um centésimo. A Potere comemora nos boxes. A pole está garantida para a equipe, mostrando que os italianos estão recuperados no campeonato.
Andretti fecha o treino virando 1'26"63 e ficando com a quarta posição.

Classificação - Final:

Niki LAUDA (Potere/Ferrari/Goodyear) 1'26"49
Keke ROSBERG (Williams/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'26"50
Emerson FITTIPALDI (Fittipaldi/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'26"61
Mario ANDRETTI (Potere/Ferrari/Goodyear) 1'26"63
Alan JONES (Savoia/Savoia/Michelin) 1'26"68
Riccardo PATRESE (Biscazzi/Alfa Romeo/Goodyear) 1'26"70
Tom PRYCE (Fittipaldi/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'26"70
Ronnie PETERSON (Savoia/Savoia/Michelin) 1'26"71
Jacques LAFFITE (Biscazzi/Alfa Romeo/Goodyear) 1'26"94
10º René ARNOUX (Bleutter/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"11
11º Eddie CHEEVER (LPR/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"20
12º Elio DE ANGELIS (Williams/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"23
13º James HUNT (Tyrant/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"29
14º Didier PIRONI (LPR/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"31
15º Jean-Pierre JABOUILLE (Renault/Renault/Michelin) 1'27"34
16º Manfred WINKELHOCK (Nürburg/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"47
17º Nelson PIQUET (Winhill/Winhill/Goodyear) 1'27"64
18º François CEVERT (Winhill/Winhill/Goodyear) 1'27"69
19º Hans STUCK (Tyrant/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"76
20º Patrick TAMBAY (Bleutter/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'27"78
21º Jochen MASS (Avanti/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'28"05
22º Nigel MANSELL (Avanti/Ford-Cosworth/Goodyear) 1'28"20
23º Jean-Pierre JARIER (Renault/Renault/Michelin) sem tempo

Quebras/Acidentes:

Jarier =($200)= acidente

Pironi =($200)= acidente

Hunt =($0)= injeção
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2379
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Corrida

Mensagem  Saimon em 8/6/2018, 11:17

Domingo de sol no litoral sudeste francês. O principado está agitado e recebe muitos turistas para o Grande Prêmio de Mônaco. Os carros estão no grid e os mecânicos fazem os ajustes finais. Lauda largará na pole, dando continuidade à recuperação da Potere iniciada com a dobradinha na corrida passada. Ao seu lado, o surpreendente Rosberg vem mostrando o crescimento da equipe Williams e pode encomodar o austríaco nesta prova. Na segunda fila, os dois últimos vencedores da temporada: Fittipaldi e Andretti. O líder do campeonato Alan Jones aparece na quinta posição, tendo o instável Patrese ao seu lado. A largada promete.
A direção de prova sinaliza e os mecânicos são obrigados a retiram-se da pista. Os pilotos dão partida em seus motores e iniciam a volta de apresentação. Os carros percorrem o traçado nas ruas de Mônaco sendo saudados pelos espectadores, muitos dos quais assistem a prova da sacada de seus apartamentos.
Todos realinham. Em breve teremos a largada.

Largada: Lauda - Rosberg - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Pryce - Peterson - Laffite - Arnoux - Cheever - De Angelis - Hunt - Pironi - Jabouille - Winkelhock - Piquet - Cevert - Stuck - Tambay - Mass - Mansell - Jarier

As luzes vermelhas acendem e sobe o giro dos motores. As estreitas ruas de Mônaco ajudam a deixar o barulho dos motores mais ensurdecedor. Lauda por dentro e Rosberg por fora, quem se dará melhor na primeira curva? Acendem as luzes verdes e começa o GP de Mônaco! Rosberg, em uma arrancada sensacional, parte melhor que Lauda e toma a ponta por fora na Saint Dévote. O austríaco ainda tem que se preocupar com Fittipaldi, que tentava tomar a segunda posição por dentro. Andretti, Jones e Patrese mantêm suas posições, enquanto Laffite larga muito bem e pula de nono para sétimo. Fittipaldi vem pra cima de Lauda e ataca o austríaco na Mirabeau, mas o piloto da Potere se defende bem. Laffite segura Pryce, que tem Peterson também lhe pressionando. De Angelis ataca Arnoux. Stuck traciona melhor que Cevert na saída da Mirabeau e mergulha por dentro na Loews. O francês é obrigado a ceder espaço para evitar a batida. Tambay, que fez péssima largada, pressiona Mass, mas tem Jarier logo atrás de si.

Fim da 1ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Pryce - Peterson - Arnoux - De Angelis - Cheever - Hunt - Pironi - Jabouille - Winkelhock - Stuck - Cevert - Piquet - Mansell - Mass - Tambay - Jarier

Rosberg abre na frente enquanto Lauda defende-se dos ataques de Fittipaldi. Pryce fecha Peterson na freada da Saint Dévote e vai resistindo na oitava posição. De Angelis segue na cola de Arnoux. Mansell vem pra cima de Piquet. Mass segura Tambay. Jarier, na última posição, acompanha os dois.
Fittipaldi segue colado em Lauda. Laffite vai segurando Pryce e Peterson. Mais atrás, Arnoux fecha De Angelis na Saint Dévote e defende bem a décima posição. Cheever acompanha os dois. Pironi pressiona Hunt. Mansell traciona melhor que Piquet na saída do S da Piscina e mergulha por dentro na apertada Rascasse, conseguindo a ultrapassagem. Boa manobra do inglês.

Fim da 3ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Pryce - Peterson - Arnoux - De Angelis - Cheever - Hunt - Pironi - Jabouille - Winkelhock - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Mass - Tambay - Jarier

Peterson segue preso atrás de Pryce. Mass, pressionado por Tambay, erra na saída da Saint Dévote e toca o guard-rail, danificando sua suspensão. O alemão é obrigado a abandonar pouco depois. De Angelis traciona melhor que Arnoux na saída Anthony Noghes e vem pra cima do francês na reta dos boxes.

Fim da 4ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Pryce - Peterson - Arnoux - De Angelis - Cheever - Hunt - Pironi - Jabouille - Winkelhock - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Tambay - Jarier - Mass(fora)

Fittipaldi continua pressionando Lauda, mas não consegue espaço para ultrapassar. De Angelis sai do vácuo de Arnoux na reta e mergulha por dentro na freada da Saint Dévote, tomando a décima posição. Pironi pressiona Hunt. Mansell vem pra cima de Cevert.

Fim da 5ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Pryce - Peterson - De Angelis - Arnoux - Cheever - Hunt - Pironi - Jabouille - Winkelhock - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Tambay - Jarier

Hunt erra na freada da Saint Dévote e trava as rodas. O inglês consegue evitar o contato com o muro, mas Pironi aproveita o vacilo para mergulhar por dentro e tomar a posição. Winkelhock tem problemas e abandona a prova. Peterson traciona melhor que Pryce na saída da Anthony Noghes e vem pra cima do inglês na reta.

Fim da 6ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Pryce - Peterson - De Angelis - Arnoux - Cheever - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Tambay - Jarier - Winkelhock(fora)

Peterson sai do vácuo de Pryce na reta dos boxes e toma a linha de dentro para a freada da Saint Dévote, finalmente conseguindo a ultrapassagem. De Angelis já se aproxima do inglês. Cheever pressiona Arnoux. Pironi vem chegando nos dois. Mansell segue colado em Cevert. Piquet segura Tambay e Jarier.

Fim da 7ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Peterson - Pryce - De Angelis - Arnoux - Cheever - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Tambay - Jarier

Fittipaldi segue preso atrás de Lauda, enquanto Rosberg vai abrindo na frente. Peterson cola em Laffite. Arnoux segura Cheever. Pironi chega nos dois. Mansell pressiona Cevert implacavelmente, mas o francês vai segurando sua posição. Piquet bloqueia Tambay na Portier. Jarier, que acompanhava de perto, vê uma oportunidade para pegar o vácuo do Bleutter e não desperdiça: o piloto da Renault pisa fundo no Tunel e toma a linha de dentro para a freada da chicane du Port, conseguindo a ultrapassagem sobre Tambay.

Fim da 8ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Peterson - Pryce - De Angelis - Arnoux - Cheever - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Jarier - Tambay

Peterson pressiona Laffite, que defende bem a sétima posição. Cheever segue no encalço de Arnoux. Jarier vem pra cima de Piquet.
Fittipaldi segue pressionando Lauda. Cheever traciona melhor que Arnoux na saída da Anthony Noghes e vem pra cima do francês.
Laffite fecha Peterson na Saint Dévote e segue resistindo. Cheever sai do vácuo de Arnoux na reta dos boxes e mergulha por dentro na freada da Saint Dévote, conseguindo a ultrapassagem. De Angelis cola em Pryce.

Fim da 11ª Volta: Rosberg - Lauda - Fittipaldi - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Peterson - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Jarier - Tambay

Fittipaldi traciona melhor que Lauda na saída do Casino e toma a linha de dentro para a freada da Mirabeau. Os dois se espremem na curva e o brasileiro leva a melhor. Lauda ainda tenta dar o troco na Loews, mas Fittipaldi fecha bem. Peterson segue na cola de Laffite. Pironi vem pra cima de Arnoux.

Fim da 12ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Peterson - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Cevert - Mansell - Piquet - Jarier - Tambay

Peterson segue atrás de Laffite, procurando espaço para a ultrapassagem. De Angelis pressiona Pryce. Mansell segue na cola de Cevert. Jarier sai do vácuo de Piquet após a Portier e pisa fundo no Tunel, chegando em vantagem na freada da chicane du Port, onde consegue a ultrapassagem.

Fim da 13ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Laffite - Peterson - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Cevert - Mansell - Jarier - Piquet - Tambay

Peterson, após muita insistência, traciona bem na saída da chicane du Port e toma a linha de dentro para a tomada da Tabac. Com pouco espaço, os dois chegam a tocar roda com roda e o sueco leva a melhor. Pryce segue segurando De Angelis. Mansell sai do vácuo de Cevert na reta dos boxes e força por dentro na freada da Saint Dévote. O francês é obrigado a recolher para evitar a batida.

Fim da 14ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Peterson - Laffite - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Pironi - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Cevert - Jarier - Piquet - Tambay

Pironi, que pressionava Arnoux, erra na tomada da Tabac e espalha, batendo no guard-rail. Felizmente o piloto sai ileso. A bandeira amarela é acionada no local para que os fiscais possam recolher os destroços.

Fim da 15ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Peterson - Laffite - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Cevert - Jarier - Piquet - Tambay - Pironi(fora)

Rosberg e Fittipaldi vêm na mesma balada neste momento e a diferença entre ambos se mantém. Peterson vem pra cima de Patrese. De Angelis segue na cola de Pryce. Ambos se aproximam de Laffite. Jarier vem pra cima de Cevert. Tambay pressiona Piquet.

Fim da 16ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Peterson - Laffite - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Cevert - Jarier - Piquet - Tambay

Peterson pressiona Patrese, valendo a sexta posição. Cevert segura Jarier. Tambay ameaça na Saint Dévote, mas Piquet defende-se bem.
Jarier sai do vácuo de Cevert na reta dos boxes e mergulha por dentro na Saint Dévote, conseguindo a ultrapassagem.

Fim da 18ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Peterson - Laffite - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Cevert - Piquet - Tambay

Peterson segue no encalço de Patrese. Pryce chega em Laffite, trazendo De Angelis consigo.
Patrese vai resistindo aos ataques de Peterson na sexta posição. Tambay pressiona Piquet na tentativa de sair da última posição.
Fittipaldi vem descontando a diferença que o separa de Rosberg nas últimas voltas e se aproxima. Laffite segue segurando Pryce e De Angelis. Cheever também vem chegando no bolo.
Jarier se aproxima de Mansell. Tambay sai do vácuo de Piquet na reta dos boxes e toma a linha de dentro para a freada da Saint Dévote, conseguindo a ultrapassagem.

Fim da 22ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Patrese - Peterson - Laffite - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Cevert - Tambay - Piquet

Patrese defende-se com unhas e dentes dos ataques de Peterson, que não consegue encontrar espaço para passar.
Tambay já cola em Cevert.
Laffite segue liderando a fila formada por Pryce, De Angelis e Cheever. Jarier chega em Mansell.
Peterson traciona melhor que Patrese na saída da Anthony Noghes e vem pra cima do italiano.
O sueco sai do vácuo do Biscazzi na reta dos boxes e, em um bote rápido, toma a linha de dentro na freada da Saint Dévote e toma a sexta posição. Boa manobra do atual campeão.

Fim da 27ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - Pryce - De Angelis - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Cevert - Tambay - Piquet

Jarier pressiona Mansell. Tambay vem na cola de Cevert.
Laffite segura Pryce na Portier. De Angelis, logo atrás dos dois, consegue boa tração na saída da curva e vem pra cima do inglês, pegando o vácuo e tomando a linha de dentro para a freada da chicane du Port, onde faz a ultrapassagem. Boa manobra do italiano, que foi oportunista desta vez.

Fim da 29ª Volta: Rosberg - Fittipaldi - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - De Angelis - Pryce - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Cevert - Tambay - Piquet

Fittipaldi, que neste momento estaria ficando com a liderança do campeonato, vê seus seis pontos irem por água abaixo: o brasileiro vem lento pelo Tunel e parece ter problemas. Arrastando-se pela pista, o brasileiro encosta após a chicane du Port e abandona. Cabisbaixo, Fittipaldi deixa o carro e caminha rumo aos boxes. O público aplaude o piloto, que responde com um aceno. Triste fim para a bela corrida que fazia, onde se aproximava do líder para brigar pela vitória.

Fim da 30ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - De Angelis - Pryce - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Cevert - Tambay - Piquet - Fittipaldi(fora)

Peterson vem descontando a diferença que o separa de Jones. Jarier segue na cola de Mansell.

Fim da 31ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - De Angelis - Pryce - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Cevert - Tambay - Piquet

Laffite segue puxando o trenzinho formado por De Angelis, Pryce e Cheever. Ultrapassar em Mônaco é realmente uma tarefa difícil. Tambay segue atrás de Cevert.
Jarier segue na cola de Mansell.
Peterson é o mais rápido da pista neste momento e continua se aproximando de Jones.
Tambay traciona melhor que Cevert na saída do Casino e toma a linha de dentro para a freada da Mirabeau, conseguindo mais uma ultrapassagem nas apertadas ruas de Mônaco.

Fim da 35ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - De Angelis - Pryce - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Jarier - Tambay - Cevert - Piquet

Jarier continua pressionando Mansell, mas o inglês fecha bem todos os espaços.
E segue o trenzinho na briga pela sétima posição...
Rosberg segue firme na ponta, apesar de Lauda às vezes virar melhor e ameaçar se aproximar do finlandês.
Andressi segue isolado na terceira posição. Jones, quarto, vê Peterson se aproximar cada vez mais.
Jarier sai do vácuo de Mansell na reta dos boxes e desta vez o inglês não consegue evitar que o francês tomasse a linha de dentro e conseguisse a ultrapssagem na freada da Saint Dévote.

Fim da 40ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - De Angelis - Pryce - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Jarier - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet

De Angelis traciona melhor que Laffite na saída do S da Piscina e toma a linha de dentro para a freada da Rascasse. Os dois dividem a apertada curva e toca roda com roda. Em desvantagem por fora na Anthony Noghes, Laffite é obrigado a desistir da briga para evitar um toque e De Angelis assume a sétima posição.

Fim da 41ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Cheever - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Jarier - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet

Cheever tem problemas e abandona a prova.

Fim da 42ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Jarier - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet - Cheever(fora)

Peterson vem chegando em Jones.

Fim da 43ª Volta: Rosberg - Lauda - Andretti - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Jarier - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet

Pryce agora é quem ataca Laffite.
De Angelis se aproxima de Patrese.
Jarier vem chegando em Stuck.
Peterson cola em Jones.
O australiano parece indisposto a ceder fácil a posição para o companheiro, até porque está na frente no campeonato.
Andretti solta fumaça pela Beaurivage e vai parando. O americano, que vinha tranqüilo na terceira posição, é obrigado a abandonar e desperdiçar quatro pontos importantes no campeonato.

Fim da 49ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Jarier - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet - Andretti(fora)

Peterson pressiona Jones, agora valendo a terceira posição. De Angelis vem na cola de Patrese. Pryce pressiona Laffite.

Fim da 50ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Jarier - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet

Jones vai resistindo às ameaças de Peterson e segue firme na terceira posição.
De Angelis pressiona Patrese, que defende-se bem e fecha todos os espaços. Pryce segue na cola de Laffite.
Lauda vem se aproximando de Rosberg nas últimas volta e pode encomodar o finlandês neste final de prova.
Peterson segue procurando espaço para passar Jones.
Jarier se aproxima de Stuck. Tambay vem descontando a diferença que o separa de Mansell. Piquet cola em Cevert.
Jones segue resistindo bravamente aos ataques de Peterson. O atual líder do campeonato não quer deixar este pódium escapar, ainda mais sabendo que Laffite e Fittipaldi não estão marcando pontos.
Patrese segura De Angelis na Mirabeau e segue resistindo.
Piquet pressiona Cevert.
De Angelis segue pressionando Patrese.
Peterson ataca Jones, mas o sueco parece ver que o australiano não irá ceder.
Jarier escapa sozinho no primeiro S da Piscina e bate no guard-rail. Tudo bem com o piloto, mas o acidente acaba causando uma bandeira amarela que obriga os pilotos a passarem bastante lentamente pelo local, cheio de pedaços de carro na pista.

Fim da 61ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Tambay - Cevert - Piquet - Jarier(fora)

Peterson segue no encalço de Jones. Lauda vem se aproximando de Rosberg cada vez mais rápido. De Angelis continua pressionando Patrese.

Fim da 62ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell - Tambay - Cevert(1) - Piquet(1)

Pryce segue perseguindo Laffite de perto, mas não consegue mais ameaçar o francês.
Tambay se aproxima de Mansell. A pista é completamente limpa e a bandeira verde é novamente agitada no setor do S da Piscina.
Lauda já está bem próximo de Rosberg. Teremos briga pela vitória neste final de prova. Jones segue segurando Peterson, que ainda não desistiu da briga. De Angelis segue pressionando Patrese, que defende com unhas e dentes a quinta posição.
Lauda chega em Rosberg. Tambay cola em Mansell.`

Fim da 66ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - De Angelis - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell(1) - Tambay(1) - Cevert(1) - Piquet(1)

Lauda pressiona Rosberg, que vem em um traçado defensivo. Peterson segue colado atrás de Jones, esperando uma oportunidade para dar o bote. De Angelis continua pressionado Patrese implacavelmente. Grande corrida da Williams hoje.
Impaciente, De Angelis sai do vácuo de Patrese e tenta forçar por dentro na Mirabeau. A manobra não acontece conforme o piloto da Williams imaginava e acontece o toque: roda traseira direita de Patrese com a dianteira esquerda de De Angelis, fazendo o Williams rodar e bater de traseira no muro. O italiano sai do carro decepcionado consigo mesmo, enquanto Patrese segue na prova.

Fim da 68ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - De Angelis(fora) - Mansell(1) - Tambay(1) - Cevert(1) - Piquet(1)

Rosberg vai resistindo bravamente aos ataques de Lauda. Os mecânicos da Williams estão roendo as unhas nos boxes. Enquanto isso, os dois Savoia vão se aproximando dos líderes e podem entrar nesta briga.

Fim da 69ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Patrese - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell(1) - Tambay(1) - Cevert(1) - Piquet(1) - De Angelis(fora)

Tambay segue pressionando Mansell. Piquet ataca Cevert. Patrese vem lento e traz o carro até os boxes, recolhendo para a garagem. Provavelmente o toque com De Angelis afetou algo no carro do italiano.

Fim da 70ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Patrese(fora) - Mansell(1) - Tambay(1) - Cevert(1) - Piquet(1)

Rosberg segue resistindo na ponta. Jones e Peterson, colados, se aproximam.

Fim da 71ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell(1) - Tambay(1) - Cevert(1) - Piquet(1) - Patrese(fora)

Lauda balança de um lado para outro na reta dos boxes, mas Rosberg fecha todos os espaços. Jones e Peterson chegam nos dois.
Mansell segue segurando Tambay. Piquet sai do vácuo de Cevert e mergulha por dentro na freada da Saint Dévote, em disputa interna na Winhill. O brasileiro deixa a última posição para o companheiro.

Fim da 73ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Laffite - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Mansell(1) - Tambay(1) - Piquet(1) - Cevert(1) - Patrese(fora)

Rosberg segue resistindo heróicamente aos ataques de Lauda. O austríaco ameaça vir por dentro na Mirabeau, mas o finlandês fecha bem a linha de dentro. Na chicande du Port, o piloto da Potere tenta novamente, porém mais uma vez Rosberg segura a ponta. Que final de prova no principado. Jones cola em Lauda e passa a ameaçar o australiano. Peterson assite tudo de perto e espera uma boa oportunidade para surpreender. Laffite exagera na saída da Saint Dévote e toca a roda traseira esquerda no guard-rail. Com a suspensão danificada, o francês é obrigado a abandonar pouco depois. Fim de semana para esquecer da Biscazzi.

Fim da 74ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck - Laffite(fora) - Mansell(1) - Tambay(1) - Piquet(1) - Cevert(1) - Patrese(fora)

E segue resistindo Rosberg. Lauda pressionada cada vez com mais intesidade. Porém, restam apenas duas voltas. O box da Williams está tenso. Na garagem da Potere, os mecânicos também não conseguem esconder o nervosismo. Jones e Peterson seguem à espreita. Rosberg passa pelo retardatário Stuck quase tirando tinta do carro do alemão na Tabac e os mecânicos tomam um belo susto.

Fim da 75ª Volta: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck(1) - Mansell(1) - Tambay(1) - Piquet(1) - Cevert(1) - Laffite(fora) - Patrese(fora)

Lauda sai do vácuo de Rosberg na reta dos boxes e tenta vir por dentro na Saint Dévote, mas o finlandês fecha a linha de dentro e chega a travar os pneus. Lauda insiste por dentro e os dois emparelham pela Beaurivage, mas Rosberg consegue se recuperar na Massenet. O austríaco tenta novamente vir por dentro na Mirabeau, novamente sendo fechado por Rosberg. O piloto da Williams segura o Potere mais uma vez no Tunel, contornando a chicane du Port com tranqüilidade. Na ponta dos dedos, o finlandês fecha os espaços na Tabac e no S da Piscina, contornando a Rascasse e a Anthony Noghes de olho em Lauda no seu retrovisor. Chegando na reta, Rosberg pisa fundo, cruza a linha de chegada e ergue o punho. O bravo finlandês venceu! Festa nos boxes da Williams. Um resultado incrível para a equipe, que vence pela primeira vez na categoria. Lauda e Jones completam o pódium, ficando Peterson, Pryce e Arnoux nos demais lugares da zona de pontuação. Um final de prova de tirar o fôlego nas ruas do principado. Os espectadores nas sacadas de seus apartamentos aplaudem Rosberg, que teve uma performance impressionante durante todo o fim de semana.

Fim da Corrida: Rosberg - Lauda - Jones - Peterson - Pryce - Arnoux - Hunt - Jabouille - Stuck(1) - Mansell(1) - Tambay(1) - Piquet(1) - Cevert(1) - Laffite(fora) - Patrese(fora)

Classificação - Final:

Keke ROSBERG (Williams/Ford-Cosworth/Goodyear) 1h50'32"11
Niki LAUDA (Potere/Ferrari/Goodyear) +0"38
Alan JONES (Savoia/Savoia/Michelin) +0"89
Ronnie PETERSON (Savoia/Savoia/Michelin) +1"22
Tom PRYCE (Fittipaldi/Ford-Cosworth/Goodyear) +20"72
René ARNOUX (Bleutter/Ford-Cosworth/Goodyear) +45"84
James HUNT (Tyrant/Ford-Cosworth/Goodyear) +46"02
Jean-Pierre JABOUILLE (Renault/Renault/Michelin) +56"53
Hans STUCK (Tyrant/Ford-Cosworth/Goodyear) +1 volta
10º Nigel MANSELL (Avanti/Ford-Cosworth/Goodyear) +1 volta
11º Patrick TAMBAY (Bleutter/Ford-Cosworth/Goodyear) +1 volta
12º Nelson PIQUET (Winhill/Winhill/Goodyear) +1 volta
13º François CEVERT (Winhill/Winhill/Goodyear) +1 volta
14º Jacques LAFFITE (Biscazzi/Alfa Romeo/Goodyear) +3 voltas
15º Riccardo PATRESE (Biscazzi/Alfa Romeo/Goodyear) +7 voltas

AB Elio DE ANGELIS (Williams/Ford-Cosworth/Goodyear) 67 voltas
AB Jean-Pierre JARIER (Renault/Renault/Michelin) 60 voltas
AB Mario ANDRETTI (Potere/Ferrari/Goodyear) 48 voltas
AB Eddie CHEEVER (LPR/Ford-Cosworth/Goodyear) 41 voltas
AB Emerson FITTIPALDI (Fittipaldi/Ford-Cosworth/Goodyear) 29 voltas
AB Didier PIRONI (LPR/Ford-Cosworth/Goodyear) 14 voltas
AB Manfred WINKELHOCK (Nürburg/Ford-Cosworth/Goodyear) 5 voltas
AB Jochen MASS (Avanti/Ford-Cosworth/Goodyear) 3 voltas


Quebras/Acidentes:

Mass =($100)= suspensão

Winkelhock =($0)= transmissão

Hunt =($5)= cabo de vela

Pironi =($200)= acidente

Fittipaldi =($300)= câmbio

Cheever =($300)= transmissão

Andretti =($100)= vazamento de óleo

Jarier =($200)= acidente

De Angelis =($200)= acidente

Patrese =($100)= suspensão

Laffite =($100)= suspensão
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2379
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Classificação do Campeonato após a Corrida

Mensagem  Saimon em 8/6/2018, 11:18

Mundial de Pilotos:

1º A. Jones = 29 pts.
2º J. Laffite = 23 pts.
3º E. Fittipaldi = 22 pts.
4º R. Peterson = 21 pts.
5º K. Rosberg = 18 pts.
6º M. Andretti = 17 pts.
7º N. Lauda = 12 pts.
8º J. Hunt = 9 pts.
9º T. Pryce = 8 pts.
10º R. Patrese = 6 pts.
11º D. Pironi = 3 pts.
--- N. Piquet = 3 pts.
13º R. Arnoux = 2 pts.
14º E. De Angelis = 1 pt.
--- M. Winkelhock = 1 pt.

Mundial de Construtores:

1º Savoia = 50 pts.
2º Fittipaldi = 30 pts.
3º Biscazzi = 29 pts.
4º Potere = 29 pts.
5º Williams = 19 pts.
6º Tyrant = 9 pts.
7º LPR = 3 pts.
-- Winhill = 3 pts.
9º Bleutter = 2 pts.
10º Nürburg = 1 pt.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2379
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1979 - 7ª Corrida - GP de Mônaco

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum