1983 - Sala de Imprensa

Página 4 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Radiante, Rodrigo Rocca festeja quinto lugar

Mensagem  Rodrigo Rocca em 27/7/2014, 21:51

Claudio Carsughi - Rádio Jovem Pan

Festa na Scuderia Rocca: numa corrida bastante agressiva, o britânico Tom Pryce levou a pequena equipe siciliana ao melhor resultado de sua história, o quinto lugar. Em 35 largadas, a equipe só havia pontuado duas vezes, ambas em Hockenhein; Pryce foi sexto este ano e Baldi foi sexto no GP do ano passado. Rocca comentou após a corrida:

"Foi fantástico! A dupla ultrapassagem em Piquet e Patrese e a ultrapassagem em Rosberg foram belíssimas. Sabemos que as situações foram casuais, mas Pryce não perdeu a chance e elas foram decisivas para o sexto lugar, a frente do Jones. Uma pena não ser possível segurar o Patrese, a P4 estava muito rápida no final, mas fomos premiados por nossa persistência e conquistamos um resultado histórico!"

Rodrigo Rocca também fez um balanço da temporada e falou do futuro: "Nosso trabalho é a longo prazo, mas precisávamos de um resultado como esse para manter toda a equipe extremamente motivada. Depois de uma primeira metade de temporada difícil, chegamos a três pontos e praticamente garantimos o nono lugar no mundial, superando as expectativas. Chegamos a nove top-10 e superamos nossa meta de 8 no ano, o que sem dúvida foi excepcional para nós. O desafio em Brands Hatch e Kyalami será maior, já que somos mais competitivos nas pistas de altíssima velocidade, mas vamos buscar mais algum grande resultado e nos preparar da melhor forma para 84".

Rocca ainda fez um rápido comentário sobre o acidente de Baldi: "É um bambino excelente, muito rápido quando o carro permite. Mas precisa ser mais atento, se envolveu em cinco acidentes com outros pilotos. Mesmo que não tenha tido culpa na maior parte deles, precisa aprender a guiar por si e pelos outros, caso contrário não evoluirá. Hoje perdemos um resultado que financeiramente e desportivamente seria fantástico, no mínimo ele chegaria em sétimo"

Encerrando a entrevista, ele fez questão de parabenizar dois concorrentes: "Sei o quanto Emerson e Anibal estão felizes, me lembro como se fosse hoje das corridas de Baldi em Kyalami e Zolder no ano passado, quando com carro e motor menos competitivo conseguimos nossos primeiros grandes resultados. Eles lutaram muito e mereceram, tem muito a festejar!"
avatar
Rodrigo Rocca

Mensagens : 287
Data de inscrição : 08/01/2013
Idade : 66
Localização : Catania, Itália

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Daniel King em 27/7/2014, 22:24

Em nota, King mostrou-se descontente em relação aos compostos Goodyear, que custou a vitória à Rosberg, em sua visão. Comentou ainda que deverá se reunir em breve com a alta cúpula da Ferrari para tentar buscar fornecimento dos compostos franceses caso a fabricante norte-americana não se mostre competitiva o suficiente em relação à durabilidade para a próxima temporada.
avatar
Daniel King

Mensagens : 338
Data de inscrição : 19/12/2012
Idade : 97
Localização : Glasgow, Escócia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Sir Gale em 27/7/2014, 23:19

Em nota enviada à imprensa, Sir. Gale parabeniza a equipe inteira, lembrando que este foi o melhor resultado da Galaxy até então. Agradeceu aos pilotos De Cesaris, lembrando que ele entrou pra história do time, trazendo o carro pra casa, mesmo vendo a dificuldade de permanecer na pista com os adversários abandonando, e ao Sullivan que mais um vez se classificou para a corrida, mas lembrou que se o piloto não tivesse se enroscado no inicio da corrida, certamente teríamos 2 top 10...
avatar
Sir Gale

Mensagens : 116
Data de inscrição : 12/02/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Ian McIrish em 28/7/2014, 08:06

Procurado por nossa reportagem, Gustavo Lovatto não pode comentar o resultado da Williams devido a incapacidade do mesmo de dizer três palavras seguidas sem gritar de alegria pela vitória ou abraçar alguém. No momento, ele pulava como se tivesse sido campeão mundial com Mansour Ojjeh, dono da TAG, patrocinadora da equipe.
avatar
Ian McIrish

Mensagens : 68
Data de inscrição : 13/01/2013
Idade : 24
Localização : Didcot, Grã-Bretanha

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Europa

Mensagem  Saimon em 12/8/2014, 23:34

- Scheckter comemorou a terceira vitória na temporada, o único a conseguir tal feito neste ano, ressaltando a identificação da equipe com o circuito de Brands Hatch e o fato de chegar vivo na disputa pelo título "em casa". O sulafricano prometeu vir com tudo na última prova, onde apenas a vitória interessa, precisando ainda que Piquet não marque pontos;
- Alboreto lamentou a perda da vitória mais uma vez no fim da corrida em Brands Hatch, mas mostrou-se feliz pela dobradinha obtida pela Biscazzi e pelo fato de o companheiro Scheckter seguir vivo na briga pelo título. O italiano falou dos inúmeros problemas que teve durante o ano e confessou que ficou devendo em termos de desempenho e resultados, mas que a corrida de hoje mostrou que o piloto tem seu valor e merece ser respeitado, assim como foi na temporada passada;
- Prost elogiou a Biscazzi pelo excelente desempenho na prova e comentou que não estava tão otimista em seguir na disputa do título, mas a corrida de hoje reergueu as esperanças. O francês prometeu dar tudo de si na última prova, apesar das chances remotas. O piloto do carro 2 precisará vencer e ainda torcer para que Piquet não marque pontos;
- Eliminado da disputa pelo título, Hunt lamentou um final de ano problemático e comentou que espera uma nova chance da Ferrari no ano que vem, prometendo vir mais focado e determinado a vencer o campeonato, seu objetivo maior na F1;
- Piquet não se isentou de culpa pelo mau final de semana em Brands Hatch, argumentando que não encontrou o ponto certo do acerto para esta pista. O brasileiro ainda conseguiu um quinto lugar, o qual lhe deu pontos importantes na disputa pelo bicampeonato. Piquet espera uma corrida bem melhor em Kyalami, para confirmar o favoritismo e sair com a taça novamente;
- Rosberg lamentou a perda do seu lugar no pódium devido uma quebra do motor, faltando apenas quatro voltas. O finlandês vinha marcando pontos desde que chegou à Ferrari, mas desta vez o motor lhe deixou a pé;
- Fittipaldi abandonou pela segunda vez seguida devido problemas no motor Renault e agora se vê em situação difícil no campeonato. Depois de liderar por várias etapas, o brasileiro precisa vencer em Kyalami e torcer para Piquet chegar no máximo em quarto lugar. Mesmo assim, Emerson segue com discurso otimista, dizendo que confia no trabalho de sua equipe e que dará tudo de si para conseguir o grande sonho de vencer o campeonato em um carro brasileiro;
- Jones é outro que lamentou a quebra de seu motor e comentou que tinha boa chance de vitória, já que seu ritmo era muito bom, mesmo com pneus duros. O australiano aproveitou para anunciar que não tem planos de continuar na F1, alegando não encontrar mais motivação, e está se preparando para se tornar fazendeiro em sua terra natal no ano que vem. A Tyrant deve iniciar a procura de um novo piloto para assumir o carro onze.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 1995
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Rodrigo Rocca em 13/8/2014, 00:17

Aproveito para agradecer ao Pryce por mais uma ótima corrida. Completamos 10 top-10 na temporada, meta atingida e superada! Vamos para Kyalami com a mesma tática e esperando que nossa melhor temporada tenha mais um grande resultado!
avatar
Rodrigo Rocca

Mensagens : 287
Data de inscrição : 08/01/2013
Idade : 66
Localização : Catania, Itália

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - África do Sul

Mensagem  Saimon em 26/8/2014, 22:44

- Rosberg festejou finalmente a primeira vitória pela Ferrari. No entanto, o foco da entrevista foi sobre o possível retorno para a Williams. O finlandês comentou que está feliz na Ferrari e, apesar de respeitar muito todo o staff da Williams e ter amigos lá, pretende continuar no time vermelho, esperando ter um carro muito competitivo no ano que vem;
- Jones estava feliz com o grande resultado que conseguiu com a Tyrant, mas ao mesmo tempo triste por ter entrado em um carro de F1 pela última vez. O australino já havia anunciado sua aposentadoria e considerou que não poderia ter sido melhor a sua despedida. Jones deseja sorte para a Tyrant, uma equipe muito competente, que não terá dificuldades para encontrar um bom piloto para ocupar o carro 11;
- Boutsen comemorou mais um pódium, embora tenha ficado chateado com o que ocorreu com seu companheiro e patrão, Emerson Fittipaldi. O belga acreditava que o brasileiro merecia muito o título. Apesar da frustração com a perda do título de pilotos, Boutsen classificou sua temporada de estréia como muito boa e espera um ano que vem ainda melhor, onde pretende disputar o título assim como fez seu companheiro neste ano;
- Mansell reclamou do acerto da Williams e creditou o quarto lugar aos vários abandonos que ocorreram à sua frente. O britânico está de saída do time inglês, a caminho da Biscazzi. Mesmo depois de questionar as chances de a equipe italiana ter um bom carro na temporada que vem, o britânico mudou o discurso e disse estar empolgado para estrear pelo time de Verona;
- Alboreto mostrou-se bastante descontente com a estratégia de corrida adotada pela Biscazzi, dizendo que poderia ter obtido um resultado muito melhor na corrida se tivesse largado mais leve e quem sabe ter passado a Fittipaldi no campeonato de construtores. Mesmo assim, o italiano declarou ter muita confiança na equipe e espera renovar o contrato, prometendo uma temporada bem melhor que a atual no ano que vem;
- Baldi comemorou seu segundo ponto na F1, no momento em que precisava demonstrar resultados para permanecer na Rocca. O italiano espera que a performance de hoje tenha mostrado que merece continuar no time, o qual ajudou a crescer desde o início;
- Moreno conquistou seu melhor resultado em dois anos de F1, com a sétima posição. O brasileiro comentou que a Highwind deve melhorar ainda mais no ano que vem e espera continuar no time e ajudá-lo a chegar nos pontos pela primeira vez;
- De Cesaris é outro que ficou satisfeito com o resultado, obtendo novamente um oitavo lugar, melhor posição já conquistada pela Galaxy em sua curta história. O italiano espera que a equipe consiga um bom contrato com um fornecedor de motores turbo para o ano que vem, possibilitando o time alcançar resultados mais expressivos e chegar nos pontos;
- Cheever encerrou a temporada com um nono lugar, melhor resultado da Bleutter no ano. Com o fechamento da equipe francesa já previsto após a corrida, o americano comentou que irá procurar um lugar em uma equipe que tenha condições de brigar por pontos e pódiums e, caso não consiga, irá voltar para os EUA, já que chovem propostas para ele correr na CART;
- O grande assunto do final de semana foi obviamente a controversa disputa pelo título entre Piquet e Fittipaldi, que acabou na batida entre os dois. O piloto da Savoia primeiro fez questão de falar que está muito feliz com a conquista do bicampeonato, tornando-se o melhor piloto brasileiro da história. Depois, comentou que o acidente com Fittipaldi foi "de corrida" e que se não envolvesse dois candidatos ao título na última corrida, não teria nenhuma repercussão ou acusação de quem seria o culpado. Piquet fez questão de admitir que errou na freada e que não teve intenção de causar a colisão. O brasileiro ainda disse que já pediu desculpas ao compatriota e que não considera que a batida decidiu o campeonato, pois Emerson não teria condições de chegar em Rosberg a tempo. Piquet concluiu a entrevista dizendo por fim que se Fittipaldi não aceita suas desculpas, paciência, pois para ele está tudo certo;
- Fittipaldi mostrou sua indignação com a manobra de Nelson Piquet, julgando que foi obviamente suja. Emmo disse que o compatriota foi claramente desleal, fazendo-o perder o respeito por ele. Fittipaldi fez questão de dizer que respeita os fãs do brasileiro, mas que atitudes como essa farão com que muitos deixem de torcer por ele. Emerson reiterou que sai de cabeça erguida do campeonato, que foi o melhor da história da equipe Fittipaldi, e também afastou os rumores de aponsentadoria, dizendo que vai continuar na F1 quantos anos for preciso para se tornar campeão pela sua equipe;
- Hunt mostrou-se muito chateado após mais um abandono. O britânico parece não acreditar na falta de resultados que teve na segunda metade da temporada, atribuindo o mau desempenho ao azar e aos problemas mecânicos. Hunt ainda acredita que tem condições de ser campeão e pede pela renovação de seu contrato com a Ferrari, prometendo vir ainda mais focado no ano que vem;
- Scheckter obviamente não estava contente após não ter conseguido conquistar o título, mas admitiu que suas chances eram muito pequenas. O sulafricano queria apenas dar alegrias aos torcedores que lotaram o autódromo, conquistando um grande resultado, mesmo que não conseguisse sair com a taça. O futuro do piloto africano segue incerto, já que a Biscazzi anunciou a vinda de Mansell, mas ainda não se sabe quem irá sair para dar lugar ao britânico. Boatos já dizem que Scheckter está de saída da Biscazzi, pois a equipe italiana ainda não começou o desenvolvimento de um novo carro para o ano que vem. Em resposta, o sulafricano comentou apenas que visa ter um carro que lhe permita disputar o título novamente, seja na Biscazzi ou em outra equipe;
- Prost também muito chateado, considerou-se o piloto de melhor desempenho na temporada, não conquistando o título devido aos inúmeros problemas mecânicos que enfrentou. O francês ainda vai analisar a proposta de renovação com a Savoia, esperando garantias de que terá um carro competitivo e confiável nas próximas temporadas. Prost ainda foi questionado se o relacionamento com Piquet lhe impediria de renovar pela Savoia, mas o francês foi categórico ao dizer que não precisa ser amigo de seu companheiro de equipe, pois na verdade ele é o seu primeiro adversário.

Obs.: as entrevistas ocorreram antes do anúncio das negociações envolvendo Scheckter e Hunt.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 1995
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Daniel King em 26/8/2014, 22:54

Em nota, a Ferrari anunciou a venda do contrato de James Hunt, pagando rescisórias e tudo a mais para vê-lo empregado na Renault. Anunciou ainda a vinda do sul-africano Jody Scheckter para a equipe, para a vaga do inglês.
avatar
Daniel King

Mensagens : 338
Data de inscrição : 19/12/2012
Idade : 97
Localização : Glasgow, Escócia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Giovane Biscazzi em 26/8/2014, 23:22

A Biscazzi confirma oficialmente a transferência de Jody Scheckter para a Ferrari. Em nota, Giovane Biscazzi fez questão de agradecer toda confiança depositada pelo sulafricano em todos esses anos:
"Fizemos o possível para que Jody disputasse o título mundial, mas infelizmente não conseguimos conquistá-lo. Neste momento, gostaríamos de agradecê-lo pelos serviços prestados em todos esses anos e desejamos muita sorte em sua nova equipe, que mostrou um excelente planejamento capaz de mantê-lo firme e forte na briga pelo caneco mundial."

Perguntado sobre o futuro de Alboreto, Giovane foi curto e direto:
"Precisamos do Michele na equipe. Não mediremos esforços para tê-lo na temporada que vem. Precisamos de um líder dentro da pista que possui a confiança de todos, para colocarmos em prática um novo planejamento capaz de devolver a Biscazzi entre as gigantes da Formula 1 em pouco tempo."
avatar
Giovane Biscazzi

Mensagens : 277
Data de inscrição : 14/01/2013
Idade : 37
Localização : Hortolândia/SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Marcel Pin em 26/8/2014, 23:46

Após o fim da temporada, Jakeman analisa a mesma:

"Foi uma temporada de altos e baixos, assumo minha parte da culpa por isso, e realmente fomos aquém das expectativas. Sofremos muito com quebras e o azar e acabamos numa posição que não reflete tão bem nosso nível em relação as outras equipes. Sobre os pilotos, Alan mostrou no fim da temporada o porque foi campeão do mundo, e que é um piloto que fará muita falta na equipe na próxima temporada. Mas entendemos o cansaço dele com a carreira extenuante de piloto de Formula 1, e desejamos toda a sorte do mundo no que for fazer daqui pra frente. Já Stefan mostrou uma evolução sensacional, acho que tem um futuro brilhante pela frente, e espero que ele seja cumprido na Tyrant, desde já anunciando que haverá uma proposta de renovação para ele no carro #12. Pedimos aos torcedores confiarem na administração que teremos novidades para o próximo ano para melhorar o time."

Marcel Pin

Mensagens : 93
Data de inscrição : 08/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Matheus Berçot em 27/8/2014, 11:10

Sean Byron afirma por nota que contratou Matheus Berçot para um cargo na diretoria técnica da Équipe Renault Elf. Berçot, que administrava a bem sucedida divisão de protótipos da Byron Engineering no WSC, foi escolhido pelo bom relacionamento com Hunt na época em que este pilotou pela finada Gallop, em 1972, sob comando do brasileiro. A ideia por trás da contratação é deixar o britânico ainda mais confortável na equipe francesa.
avatar
Matheus Berçot

Mensagens : 153
Data de inscrição : 08/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em nota, Sir Gale parabeniza time pela temporada

Mensagem  Sir Gale em 27/8/2014, 11:39

"Só tenho a agradecer, ao meu time inteiro pelo esforço e força de vontade, apesar de não termos um carro bom. Mesmo assim fizemos uma temporada ainda melhor que a de 82, mesmo com a concorrência tendo aumentado no final do grid. A decepção pra mim, foi o Sullivan que pouco acrescentou, e raríssimas vezes classificou-se para as corridas. Vamos procurar um novo companheiro para De Cesaris. Esperamos em 84 nos firmar pelo menos entre as equipes medianas, para tentar dar saltos maiores."
avatar
Sir Gale

Mensagens : 116
Data de inscrição : 12/02/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reação Emerson e Wilson Fittipaldi

Mensagem  Saimon em 27/8/2014, 23:36

Após as críticas feitas a Emerson Fittipaldi por Lee James, manager da equipe Fittipaldi, o piloto brasileiro resolveu se manifestar, assim como o irmão do piloto e co-proprietário Wilson Fittipaldi.

Emerson: "Os comentários do Lee James beiram o ridículo. Parece que ele não viu a corrida ou ao menos o acidente. Está óbvio que a culpa foi do Piquet, já que até ele mesmo confessou que errou. Não entendo quais são seus objetivos. Espero que peça desculpas publicamente e explique-se imediatamente, pois nesse clima não tem como trabalhar."

Wilson: "Não vi nenhuma culpa ou erro do Emerson no acidente. Lee James falou bobagem e espero que conserte isso imediatamente. Não entendo qual a intenção dele. Esse tipo de comentário, ainda mais nesta hora, onde estamos frustrados pela perda do título e indignados com a manobra de Piquet, não tem cabimento. Não dá pra trabalhar desse jeito. Se isso não for resolvido em breve, alguém tem que ser substituído. E este alguém nao é o Emerson."
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 1995
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Lee James em 27/8/2014, 23:44

Lee James disse não se lembrar das críticas referidas pela família Fittipaldi, comentando que qualquer declaraçâo a respeito do assunto só será dada após comprovação da mídia das palavras proferidas
avatar
Lee James

Mensagens : 284
Data de inscrição : 08/01/2013
Idade : 27

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rocca festeja ponto de Baldi e faz balanço da temporada

Mensagem  Rodrigo Rocca em 28/8/2014, 01:46

Corriere dela Sera

Em meio a decisão de título, ao polêmico acidente que decidiu o bicampeonato de Nelson Piquet e o anúncio de várias negociações entre as equipes para o mundial de 1984, Rodrigo Rocca nos concedeu uma entrevista para falar sobre o GP da África do Sul, a temporada de 1983 da equipe Rocca e a negociação de Carlo Chitti com a Tyrant.

GP da África do Sul: "Kyalami é uma pista que nos trás ótimas recordações. Nosso primeiro top-10 veio aqui, na abertura da temporada passada, e agora conquistamos nosso quinto ponto, quarto nessa temporada. Baldi foi bastante consistente, não se envolveu em disputas desnecessárias e conquistou um ponto importante para ele e para a equipe"

1983: "Tínhamos boas expectativas depois da revolução técnica pela qual passamos em Novembro de 1982, e essas expectativas se concretizaram numa ótima temporada. Até sonhávamos com alguma corrida atípica que pudesse nos trazer um pódio e nos aproximar um pouco mais dos 10 pontos na temporada, mas tivemos dificuldades na primeira metade do ano e o pódio não era real, considerando que nove equipes são mais estruturadas do que a nossa. Superamos os nossos objetivos e os objetivos de nossa parceira Rizla, ao investirmos mais do que o dobro da verba de patrocínio recebida, termos dois engenheiros trabalhando no acerto do carro em todas as corridas e pontuarmos com certa frequencia

Foi uma pena a quebra em Paul Ricard quando Baldi poderia ter sido quarto, mas pontuar em três das últimas seis corridas e chegar ao top-10 em seis das últimas sete mostrou o quanto nosso trabalho foi consistente e de alta performance. Além de pontuarmos três vezes, chegamos onze vezes no top-10. Mesmo a confiabilidade, que tanto nos preocupada, esteve num nível aceitável: apenas 8 quebras. Uma pena foi a quantidade de acidentes, com Baldi tendo que abandonar seis corridas.

Mesmo em grid de largadas mostramos clara evolução: um top-10, cinco vezes na primeira metade do grid, 12 vezes a frente de algum carro de equipe grande ou média e apenas duas vezes abaixo do 20º lugar.

Melhores corridas: "Andamos junto a equipes maiores em Jacarepaguá, fomos premiados com um excelente quinto lugar em Monza e fomos muito consistentes aqui na África do Sul e em Spa, mas nossos melhores momentos sem dúvida foram em Hockenhein e Paul Ricard, quando andamos praticamente todas as voltas na zona de pontuação. Baldi em Paul Ricard e Pryce em Hockenhein foram fantásticos!"

Transferência do Carlo Chitti: "Chitti foi decisivo em nosso sucesso na temporada, fazendo um trabalho excelente no acerto do motor Alfa Romeo. Ainda tínhamos mais de um ano de contrato, só que a proposta da Tyrant foi muito boa e nos permite fechar o caixa de 1983 no azul, além de permitir a Chitti atuar no desenvolvimento do motor da Tyrant. Não achei que tínhamos o direito de segurá-lo depois de tudo o que fez por nós."

1984: "Esperamos vir ainda mais fortes. Byrne e Pryce tem contratos mais longos e nos permitem a estabilidade necessária para 84 e nosso chassis já está pronto, mas temos muitos pontos a avaliar e trabalhar."

E sobre a decisão do título: "Foi uma pena que os dois principais protagonistas tenham se acidentado. Também me pareceu erro do Piquet, mas sua índole não o permitiria cometer o erro intencionalmente. Fico feliz que o título tenha ficado na Itália e parabenizo a Savoia pelo troféu, mas também parabenizo a Fittipaldi e ao Emerson pela fantástica temporada."
avatar
Rodrigo Rocca

Mensagens : 287
Data de inscrição : 08/01/2013
Idade : 66
Localização : Catania, Itália

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

FIA divulga calendário para 1984

Mensagem  Saimon em 28/8/2014, 23:22

Os calendários da F1 e da F2 para a próxima temporada foram divulgados hoje
The Daily Telegraph

O calendário de provas da F1 para 1984 foi oficialmente divulgado nesta tarde. A temporada volta a ter 16 corridas, onde as principais novidades são a entrada do GP de Dallas, substituindo a corrida em Long Beach, que foi para a CART, e do GP de Portugal, que fechará a temporada no circuito de Estoril. Outra grande novidade é a volta de Nürburgring à F1. No novíssimo e bem mais curto traçado construído na parte sudoeste da Nordschleife, o circuito alemão sediará o GP da Europa. Zolder, Dijon-Prenois e Brands Hatch aparecem no calendário novamente, com o rodízio de sedes na Bélgica, França e Grã-Bretanha, respectivamente. Depois de fechar 1983, o GP da África do Sul volta para o início do ano, sediando a segunda etapa da temporada.

final do mês 3 - GP do Brasil, Jacarepaguá
metade do mês 4 - GP da África do Sul, Kyalami
final do mês 4 - GP da Bélgica, Zolder
metade do mês 5 - GP de San Marino, Ímola
final do mês 5 - GP da França, Dijon-Prenois
início do mês 6 - GP de Mônaco, Monte Carlo
metade do mês 6 - GP do Canadá, Montreal
final do mês 6 - GP do Leste dos EUA, Detroit
início do mês 7 - GP de Dallas, Dallas
metade do mês 7 - GP da Grã-Bretanha, Brands Hatch
início do mês 8 - GP da Alemanha, Hockenheim
metade do mês 8 - GP da Áustria, Österreichring
início do mês 9 - GP da Holanda, Zandvoort
metade do mês 9 - GP da Itália, Monza
início do mês 10 - GP da Europa, Nürburgring
metade do mês 10 - GP de Portugal, Estoril

Já o calendário da F2 encolheu. Após uma série de problemas com os organizadores de várias provas, teremos apenas 10 corridas na temporada 1984. A corrida na Nordschleife foi retirada do calendário, devido aos altos custos logísticos da prova. O GP de Limburgo e o GP de Madrid também foram cancelados após a FIA não chegar a um acordo com os organizadores. Para completar o calendário, será realizada a Copa do Reno, uma segunda corrida em Hockenheim.

metade do mês 3 - Troféu BRDC, Silverstone
início do mês 4 - Troféu Alemanha, Hockenheim
metade do mês 4 - BARC 200, Thruxton
início do mês 5 - GP de Roma, Vallelunga
metade do mês 5 - GP de Mugello, Mugello
metade do mês 6 - GP de Pau, Pau
final do mês 7 - Copa do Reno, Hockenheim
final do mês 8 - GP do Adriático, Misano
final do mês 9 - GP do Mediterrâneo, Enna-Pergusa
metade do mês 10 - Donington 50000, Donington Park
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 1995
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Grupo de empresários compra Terrible Emerson

Mensagem  Saimon em 28/8/2014, 23:50

Equipe passará a se chamar Arrows a partir do próximo ano
The Daily Telegraph

A equipe Terrible Emerson, que vinha em crise financeira, foi adquirida por um grupo de empresários, engenheiros e pessoas ligadas ao automobilismo britânico, salvando o time da falência. O empresário Franco Ambrosio, os ex-pilotos e atuais donos de equipe no automobilismo britânico Alan Rees, Jackie Oliver e Tom Walkinshaw e o engenheiro Tony Southgate emprestam as iniciais de seus sobrenomes para a formação do novo nome da equipe: Arrows.
Apesar da nova administração, o patrocínio da Barclay deve continuar e a idéia é manter os motores Ford-Cosworth DFY. O desenvolvimento do novo chassi deve iniciar somente em 1984, sendo que a equipe deve iniciar a próxima temporada com o atual chassi da Terrible Emerson.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 1995
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Outras notícias

Mensagem  Saimon em 28/8/2014, 23:50

- A Goodyear anunciou que está finalizando o desenvolvimento de seus pneus radiais slick. A fabricante americana espera com isso igualar a durabilidade alcançada pela Michelin e tornar o campeonato ainda mais disputado no ano que vem;
- A Loto France será a mais nova investidora da F1. A estatal francesa deve anunciar em breve quem será a equipe parceira. Um acordo com a Renault para fornecimento de motores já foi firmado;
- A Skoal Bandit anunciou que após o término de seu contrato com a Bleutter irá procurar um novo parceiro na F1, já que não estava em seus planos abandonar a categoria neste momento;
- A Simod, fabricante de calçados italiana, é outro investidor que está negociando sua entrada na F1. Ainda não se sabe quem será a equipe patrocinada;
- Após uma temporada de altos e baixos, a Renault deve promover algumas mudanças no corpo técnico. François Castaing, atual engenheiro-chefe, assumirá um cargo gerencial na montadora no ano que vem, deixando sua vaga na F1 livre. Bernard Dudot, atual engenheiro de motores, poderá assumir o cargo no desenvolvimento dos chassis, porém ainda não há nada assinado entre ele e a equipe francesa;
- O engenheiro da Bleutter Marcel Hubert anunciou hoje que está se retirando da F1;
- Os engenheiros Nigel Bennett e Tim Wright também estão deixando a F1 de lado para se dedicar a outras categorias;
- O automobilismo americano está sendo uma válvula de escape para os pilotos que buscam a sorte depois de não obter sucesso na F1. Bruno Giacomelli, que foi para a América junto com a Winhill, é um deles. Outro a caminho da terra do tio Sam é Danny Sullivan, após uma temporada decepcionante na Galaxy. Chico Serra, Eliseo Salazar e Roberto Guerrero também estão negociando a ida para os EUA. Eddie Cheever é outro que voltará para o seu país caso não consiga um bom lugar na F1 para a próxima temporada.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 1995
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 32
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Lee James em 29/8/2014, 00:21

Após veiculação de uma declaração negativa a respeito da performance de Emerson Fittipaldi no GP da África do Sul, Lee James convocou uma coletiva de imprensa para esclarecer o grande tumulto que inclusive colocou seu cargo em disputa:

"Primeiramente, acredito que apenas um trecho de uma entrevista foi colocado fora de contexto. Se buscarem meu discurso na íntegra, irão ver que em primeiro lugar condenei a manobra de Nelson Piquet, inclusive mencionando que a FIA deveria tê-lo punido e que o adversário não teria agido assim caso ele é quem estivesse atrás no campeonato. Isto vai de encontro ao que os Fittipaldi declararam, pois não creditei a culpa do acidente a Emerson.

Em segundo lugar, gostaria de relembrar que o que disse era que esperava que Emerson tivesse conquistado a posição com facilidade e sem disputa, uma vez que tínhamos melhor conjunto na situação, o que não foi bem aceito pela direção da equipe. Em nenhum momento quis questionar a habilidade de Emerson e tampouco atribuir a ele o resultado final da temporada. O ponto de vista de um espectador é diferente do piloto que vê a chance de realizar seu sonho e conquistar um título mundial e tem que tomar decisões precisas em velocidades acima do normal e devo respeitar inteiramente a forma com que o piloto se portou nesta situação. Peço minhas sinceras e humildes desculpas a Emerson, a Wilson e a todos os membros e torcedores da equipe que vieram a se sentir desrespeitados com a minha declaração realizada de cabeça quente e sob a frustração de não conseguir dar à equipe Fittipaldi ao menos um dos títulos.

Espero que o ambiente de trabalho não seja comprometido após este incidente e prometo que o empenho será ainda maior para superar quaisquer adversidades e fazer com que Emerson conquiste seu bicampeonato. E, desde já, dou minha palavra de que nenhum piloto da equipe será criticado ou questionado publicamente novamente."

Após sua declaração, James se retirou sem sequer dar tempo de os repórteres presentes realizarem suas perguntas.
avatar
Lee James

Mensagens : 284
Data de inscrição : 08/01/2013
Idade : 27

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1983 - Sala de Imprensa

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum