1981 - Sala de Imprensa

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ir em baixo

1981 - Sala de Imprensa

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 16:19

Tópico destinado às notícias e anúncios oficiais da temporada de 1981.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - África do Sul

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:02

- Rosberg elogiou a equipe Williams pela coragem na estratégia e espera que esta fisolofia seja mantinha pelo restante da temporada, pois acredita que nesta temporada a equipe tem condições de brigar diretamente pelo título. Sobre a disputa com Piquet na última volta, o finlandês falou que manteve sua linha o tempo todo e procurou defender a posição de forma limpa. Rosberg ainda comentou que Piquet foi "otimista demais" ao tentar vir por fora na Barbeque;
- Piquet lamentou a má posição de largada, a qual classificou como fator crucial para o fato de não ter conseguido a vitória. Sobre a disputa com Rosberg, declarou que o finlandês espalhou demais na curva e o toque foi inevitável. O brasileiro declarou que usou o espaço que tinha disponível, mas que o finlandês espalhou de propósito;
- Lauda ficou visivelmente insatisfeito com o resultado da corrida, porém comentou que a estratégia adotada foi de poupar o equipamento para chegar ao fim da prova, já que a equipe temia que os novos motores turbo não resistissem ao calor que fazia hoje em Kyalami. "Melhor quatro pontos que zero", comentou o austríaco;
- O novato Stefan Johansson criticou a estratégia da equipe Tyrant, que optou por fazer uma troca de pneus durante a prova, o que o piloto julgou ter sido o principal fator para não ter chegado na zona de pontuação. Segundo o sueco, os pneus Michelin poderiam perfeitamente durar toda a corrida e a equipe foi conservadora demais na estratégia;
- Prost lamentou o incidente na largada que tirou suas chances de marcar pontos na corrida e, assim como Lauda, afirmou que teve que poupar equipamento pois a equipe temia não chegar ao final da prova. O francês comentou também que o acerto adotado pela equipe deixou o carro muito lento no miolo, principalmente no início da prova, com o carro pesado;
- Mansell lamentou a quebra que obrigou a abandonar a prova quando era terceiro, mas comentou que a Winhill conseguiu construir um bom carro. O britânico no entanto cobrou a vinda de um engenheiro para ajudar no acerto do carro;
- Fittipaldi comentou o final de semana para esquecer de sua equipe, lamentando as quebras que tiraram os dois carros da equipe da prova e impediram pontuação certa;
- Surer e Giacomelli pediram desculpas a suas equipes pelos erros na segunda sessão de treinos que tiraram Byron e Hallan da corrida e prometeram maior empenho em Long Beach. No entanto ambos comentaram que os chassis defasados serão grandes complicadores contra os novos chassis das equipes estreantes e que é preciso buscar todas as atualizações possíveis.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reações - África do Sul

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:04

Gustavo Lovatto:
Após a corrida, Gustavo Lovatto comentou sobre a mudança de filosofia: "Finalmente atingimos o patamar de equipe de ponta. Não vejo a Williams em um nível abaixo de Savoia ou Ferrari. E com isso, uma mudança de filosofia precisa ocorrer. O que o Rosberg viu é a Williams de ponta, que com certeza vai se repetir durante toda a temporada."

Diego Sanchez:
Sobre o GP da África do Sul, a assessoria de imprensa da equipe Winhill declarou:

"A equipe Winhill sai com sentimentos mistos após esse GP. Congratulamos nossos pilotos Mansell e Pryce, em primeiro lugar.
Mansell mostrou a que veio e confiamos demais em seu trabalho e em sua evolução, vinha para terminar no pódio mas infelizmente teve problemas, mas fez uma grande corrida, coerente com sua grande capacidade.
Pryce chegou pontuando numa boa corrida e ficamos felizes por ele e ele pela equipe."

"Agradecemos nossos patrocinadores pelo apoio e pela fé, dessa forma, a Winhill poderá continuar sua escalada ao progresso. Hoje, foi uma demonstração disso".

Perguntados acerca do engenheiro que Mansell mencionou a assessoria respondeu:

"Sabemos dessa necessidade e isso já está em movimento. Ficamos felizes com o comprometimento do Mansell a respeito deste assunto, nos motiva ainda mais"


Giorgio Montone
Giorgio Montone parabenizou Piquet pela corrida e lamentou as quebras na frente de Lauda. Quanto aos rumores sobre sua aposentadoria, informou que isso será calmamente avaliado e, caso vá ocorrer, seria apenas se pudesse passar o comando da Savoia para alguém de sua confiança.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Oeste dos EUA

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:05

- Lauda comemorou muito a vitória e comentou que não esperava vencer com tanta folga. O austríaco acreditava que os Savoia estariam mais rápidos e não contava com o acidente de Fittipaldi logo na largada, fato que, segundo o piloto, foi crucial para conseguir a vitória tão facilmente;
- Patrese festejou sua volta ao pódium e agradeceu a equipe pelo excelente carro que prepararam para este final de semana. O italiano lamentou o acidente de Fittipaldi na largada, tirando uma excelente chance de a equipe colocar dois carros no pódium;
- Jones comentou que os adversários estavam muito fortes e mostrou-se surpreso com o desempenho da Ferrari. O australiano comentou que a Savoia terá que trabalhar bastante para chegar no nível da equipe rival este ano;
- Prost assumiu o erro na batida com Fittipaldi na largada e pediu desculpas publicamente ao piloto brasileiro;
- Mass festejou muito os primeiros pontos da Project Four e elogiou toda a equipe, esperando poder continuar marcando pontos ao longo do ano;
- Mansell foi muito elogiado pela imprensa após a grande corrida que fez em Long Beach, saindo da décima nona posição e chegando em sexto após várias ultrapassagens espetaculares;
- Rosberg, decepção do dia, reclamou do acerto utilizado pela equipe na corrida, que segundo ele prejudicou muito nas brigas por posição. Porém mesmo assim não conseguiu explicar ao certo o motivo do fraco desempenho na corrida, assim como De Angelis;
- De Cesaris reclamou da mudança no acerto de seu carro, diferente do de Mass, não conseguindo entender o motivo de a equipe ter lhe tirado da disputa pelas posições no top-10 com tal alteração.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reações - Oeste dos EUA

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:06

Daniel King
Daniel King, em nota, taxou Stefan Johansson de afobado e sugeriu que o mesmo seja conservador na hora de atacar o oponente. King parabenizou, ainda, James Hunt pela excelente largada. “É uma pena que os Hart não são tão duráveis como se imaginava, espero que Brian resolva isso.”.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Brasil

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:06

- Piquet agradeceu à torcida que lhe empurrou durante toda a corrida e afirmou ter sido esta a sua vitória mais marcante na carreira. O brasileiro prometeu aos torcedores brasileiros que irá brigar pelo título até o fim. O brasileiro preferiu nem comentar o incidente com Laffite que lhe dificultou bastante a conquista da vitória;
- De Angelis lamentou a perda da vitória na última volta, mas agradeceu à equipe pelo acerto do motor, que segundo o piloto foi crucial para o bom desempenho, principalmente no início da prova;
- Hunt comemorou muito a volta ao pódium, onde não subia desde o GP da Grã-Bretanha de 1979, e comentou que a equipe Tyrant está no caminho certo para voltar a crescer;
- Perguntado sobre o incidente com Piquet no início da prova, Laffite afirmou que contornou a curva Carlos Pace normalmente e que Piquet invadiu seu espaço, não sendo possível evitar o toque;
- Prost lamentou a decepcionante quinta posição depois de ter largado na pole e afirmou que recebeu ordens da equipe para não forçar o carro, visto que havia receio de que os motores não resistissem. O francês comentou que Lauda recebeu a mesma instrução, mas seu motor quebrou mesmo assim;
- Rosberg comentou que o acerto de seu carro estava diferente do de seu companheiro. O finlandês não ficou satisfeito com a decisão da equipe e lamentou os pontos que deixou de conquistar;
- Fittipaldi reclamou do acerto do carro para a corrida e não entendeu por que a equipe não manteve o acerto do treino. O brasileiro mostrou-se extremamente frustrado com a sétima posição na corrida;
- Jones lamentou o toque com Pironi no início da prova que furou um de seus pneus, atrasando-o e tirando-o da disputa pelos pontos. O australiano comentou que poderia ter brigado pela vitória com Piquet e De Angelis, pois seu carro estava bastante competitivo hoje;
- Mauro Baldi, único piloto a não ter se classificado para alguma prova ainda, comentou que a Rocca não conseguirá se classificar para as corridas enquanto não tiver um engenheiro trabalhando no acerto.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reações - Brasil

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:08

Bernhard Rockenbach
Em nota a imprensa, Bernhard Rockenbach, chefe de equipe da Project Four, fez um levantamento geral da equipe nas 3 primeiras etapas da temporada:

" Estamos caminhando bem e, embora tudo por enquanto seja novo para muitos de nós, estamos com resultados muito semelhantes com a nossa principal rival Winhill, que já tem vários anos na categoria, com a diferença de 1 ponto apenas. Não demonstramos ainda nosso potencial total, mas estamos evoluindo a cada corrida. Jochen Mass vem até agora fazendo uma temporada impecável, demonstrando o que esperei dele quando lhe propus o contrato para correr conosco por 2 anos. Andrea (De Cesaris) está sentindo dificuldades na categoria, já que é seu primeiro ano, o que é absolutamente normal, mas precisa começar a reagir rápido, em vista que seu contrato é de apenas 1 ano e que, em relação a seu companheiro de equipe, está absurdamente atrás. Dois incidentes em 3 corridas não é uma média nada animadora. Temos um campeonato a parte com a Winhill, que tem um time muito bem montado, e para vencer esta disputa precisamos de dois pilotos dando o melhor possível de nossos carros, e não apenas 1."

Lee James
Lee James, em resposta ao comentário de Fittipaldi, declarou que houve algum mal entendido entre a comunicação da equipe com o engenheiro, o que resultou na mudança dos acertos de treino para a corrida. O inglês pediu desculpas pelo acontecido, compartilhando dos sentimentos de frustração do piloto brasileiro e garantiu que seria averiguado o que ocasionou esta situação para que não se repita novamente.

avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Argentina

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:08

- Patrese, feliz com a vitória, agradeceu a equipe Fittipaldi pela oportunidade que lhe fora dada e espera manter uma boa seqüência de resultados expressivos, pois acredita que o time tem condições de ser manter na briga entre os líderes do campeonato;
- Rosberg festejou o resultado e os pontos que lhe colocaram de volta na briga pela dianteira do campeonato. O finlandês acredita que este será o grande ano da Williams;
- Mass, emocionado com o pódium, agradeceu muito à equipe e à Bernhard Rockenbach, manager o qual sempre acreditou em seu potencial. O alemão comentou que a equipe terá novos desafios a superar com os novos pneus Pirelli daqui em diante, mas que tem plenas condições de marcar mais pontos no restante do campeonato;
- Laffite lamentou não ter chegado ao pódium depois de largar na segunda posição e atribuiu o fato ao desempenho ruim no início da corrida, com o carro muito pesado. O francês comentou que seria muito arriscado tentar passar Mass com o piso tão escorregadio e preferiu esperar por algum erro do alemão, que acabou não acontecendo;
- Piquet pediu desculpas a Lauda pelo acidente que tirou ambos da prova, afirmando que "é macho suficiente para assumir seus erros";
- Lauda ignorou as desculpas do colega e preferiu tachá-lo de incompetente e imprudente. Pouco depois da entrevista do austríaco, Piquet se aproximou do local onde o piloto da Ferrari estava e iniciou um nervoso bate-boca, que só terminou com os membros das equipes separando-os;
- Hunt lamentou muito a pane elétrica que lhe tirou da prova quando liderava, afirmando que tinha performance para de fato vencer a prova;
- Scheckter pediu desculpas à equipe Biscazzi pelo erro e pelo desempenho ruim que teve na corrida, mas também culpou o acerto e a estratégia pela fraca performance principalmente no início da prova;
- Baldi ficou muito chateado com o erro da equipe Rocca, que não encontrou os pneus para fazer a troca na parada prevista para o italiano. Porém logo em seguida pediu desculpas pelo erro que cometeu na seqüência.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reações - Argentina

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:11

Bernhard Rockenbach
Em nota a imprensa após o primeiro pódio da equipe no GP da Argentina, Bernhard Rockenbach, chefe de equipe da estreante P4, enalteceu Jochen Mass. O piloto marcou o 6º ponto no campeonato e, de quebra, o primeiro pódio da equipe, colocando-a ainda a frente da Winhill, rival direta da equipe na disputa do apoio da tabagista Philip Morris. "Jochen foi perfeito. E digo mais: ele tem muito mais a mostrar na F1 no que se diz a habilidade. Conto com ele no cockpit de um dos meus carros desde que estou na F1, e espero sempre contar. Consegui dar a ele condições de ser competitivo com este time sensacional que temos, algo que o prometi desde a Avanti, e agora na Project Four, finalmente consegui. É um piloto muito completo, que hoje está demonstrando apenas um pouco disso. Estamos apenas na 4ª etapa, então esperamos muito mais no decorrer do ano."

Quando questionado sobre De Cesaris, o chefe de equipe da P4 mudou um pouco o tom de alegria: "É um piloto jovem que precisa evoluir muito, mas a equipe precisa que ele esteja competitivo para a temporada, o que até agora não vem acontecendo. Mass completou suas 4 corridas entre os 10 primeiros, enquanto de Cesaris abandonou 2 e chegou as outras duas acima da 10º posição. Já disse e reitero: precisamos de um Andrea competitivo, demonstrando em resultados toda sua capacidade que nós sabemos que tem. Para subir na classificação e tentarmos ser superiores a nossa principal rival Winhill, precisamos de 2 pilotos com bons resultados, e não apenas 1."

Lee James
Lee James parabenizou Patrese por sua primeira vitória com um carro da Fittipaldi, declarando que o início de campeonato do italiano é muito bem visto pela direção da equipe e que certamente irá preparar uma boa oferta de renovação para que o piloto permaneça na equipe. James também elogiu Fittipaldi e declarou que a próxima vitória do brasileiro é apenas "questão de tempo".

Daniel King
É, sabemos que tinha. Foi uma fatalidade mesmo. (sobre o comentário de James Hunt)
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - San Marino

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:12

- Lauda festejou a vitória que lhe devolve a liderança do campeonato. O austríaco está confiante na disputa pelo título, afirmando que o carro da Ferrari é competitivo em qualquer tipo de circuito;
- Rosberg, novamente segundo, vai marcando pontos suficiente para lhe manter entre os líderes do campeonato. O finlandês espera voltar a vencer nas próximas provas para assumir a liderança isolada;
- Jones elogiou a alteração no acerto feita pela Savoia, mas comentou que poderia conquistar mais pontos se tivesse largado em uma posição melhor;
- Alboreto festejou seu primeiro ponto na F1, esperando poder voltar à zona de pontuação nas próximas provas;
- Piquet criticou De Angelis pela manobra que resultou no abandono do italiano e acabou atrasando o brasileiro, o que lhe custou a liderança do campeonato. Piquet afirmou que a posição já estava ganha e que o italiano forçou imprudentemente para cima de seu Savoia;
- De Angelis afirmou que apenas estava defendendo sua posição e não viu culpados no acidente;
- Fittipaldi mostrou-se muito chateado com a quebra no final da corrida, tirando-lhe o segundo lugar e seis pontos importantes. No entanto, o brasileiro reiterou que segue motivado para continuar buscando a vitória nesta temporada.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Bélgica

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:14

- Jones comemorou muito a vitória, que lhe coloca na briga pelo campeonato. O australiano agradeceu à equipe por lhe permitir que definisse o momento das paradas. Jones afirmou que contou com um pouco de sorte, mas que no final tudo deu certo e a vitória aconteceu;
- Lauda lamentou o problema em sua primeira parada que lhe custou a vitória. O austríaco fez questão de eximir os mecânicos de culpa e disse que "estas coisas acontecem";
- Fittipaldi criticou a estratégia de paradas adotada pela equipe. O brasileiro afirmou que a última parada deveria ter acontecido antes ou nem ter acontecido, arriscando ir até o final com os pneus de chuva. De qualquer forma, o brasileiro comentou que pelo menos conseguiu subir ao pódium pela primeira vez na temporada. Quando o incidente com Piquet, que tirou o piloto da Savoia da prova, Fittipaldi afirmou que o compatriota foi otimista demais ao tentar a ultrapassagem por fora. Emerson disse ter contornado a curva com cuidado, mas do jeito que Piquet entrou na disputa, o toque era inevitável;
- Patrese também criticou a estratégia de paradas da equipe, principalmente pelo fato de ter que parar na mesma volta e esperar a parada do companheiro;
- Prost pediu desculpas à equipe pelo fraco desempenho na chuva, mas prometeu melhorar nas próximas corridas neste tipo de condição;
- Piquet culpou Fittipaldi pelo seu abandono, afirmando que o compatriota espalhou demais na curva e colocou para fora da pista. No entanto, a FIA classificou o incidente como normal, dadas as condições da pista;
- Pironi ficou furioso com a equipe, que não lhe chamou para os boxes para troca de pneus. O francês não entendeu o tratamento diferente dado pela equipe, já que para Laffite tudo aconteceu perfeitamente.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Goodyear busca retorno à F1 ainda em 1981

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:14

Fornecedor americano de pneus retoma desenvolvimento e negocia com equipes sua volta
The Daily Telegraph

Para agitar de vez o final de semana em Mônaco, a Goodyear anunciou que vai voltar à F1. Depois de abandonar o certame ao final de 1980, devido à ascensão da Michelin e ao fato de ter que fornecer pneus a quase todas as equipes, enquanto a fabricante francesa fornecia para apenas duas, a empresa americana anunciou que pretende retornar à categoria máxima do automobilismo.
Depois da entrada da Pirelli e da Avon para concorrer com a Michelin, dividindo o fornecimento de pneus para as equipes entre os três fabricantes, a Goodyear resolveu voltar à F1 e aumentar ainda mais a concorrência. Além disso, um novo rumo nas pesquisas de desenvolvimento animou a empresa americana e renovou as esperanças de superar os concorrentes, mesmo sem adotar a tecnologia radial.
A idéia é voltar já em 1981, a partir do GP da França, fornecendo para três equipes. As negociações devem iniciar com as equipes que já eram parceiras da Goodyear na temporada passada.
A FIA apoiou a volta da Goodyear e já anunciou que pretende distribuir melhor o fornecimento de pneus para 1982, com cada fornecedor atendendo quatro equipes, ou no máximo cinco (com duas destas tendo apenas um carro).
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Mônaco

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:15

- Lauda festejou a vitória, mas atribuiu boa parte ao manager da equipe, pois a estratégia de largar de slicks foi fundamental para conseguir o triunfo. Ainda assim, o austríaco comentou que o carro estava perfeito e que a corrida foi divertida para ele;
- Patrese também agradeceu à equipe pela estratégia, mas creditou uma parte do bom resultado na corrida à sorte, pois muita gente acreditava que a chuva iria aumentar, ao invés de diminuir;
- Rosberg lamentou ter largado com pneus de chuva, mas comentou que faz parte do esporte e não se pode acertar sempre. O finlandês falou ainda que os adversários tiveram sorte de a chuva não aumentar. De qualquer forma, o piloto da Williams se disse satisfeito em voltar ao pódium e seguir perseguindo Lauda no campeonato;
- Scheckter agradeceu à Biscazzi pelo carro bem preparado para a corrida e comemorou mais dois pontos para o time, que vive temporada bem aquém das anteriores;
- A cúpula da Renault, que esteve presente em Mônaco, comentou estar muito insatisfeita com a administração de Mattison Salles e que se o time não reagir rápido, estudará uma reestruturação no comando da equipe;
- Fittipaldi lamentou mais um acidente e mostrou-se muito incomodado com a má fase que vive, cercada por um azar terrível. O brasileiro comentou que continuará lutando e pretende fazer uma grande corrida na Espanha. O campeão de 1973 ainda elogiou o companheiro Riccardo Patrese, que diferentemente do brasileiro, faz um belo campeonato e ocupa a terceira posição no campeonato de pilotos;
- Prost foi criticado por vários veículos de imprensa, inclusive franceses, após mais um acidente. O péssimo desempenho do francês em condições de chuva e a inconsistência mostrada nesta temporada foram manchete em vários jornais pela Europa. O piloto comentou que não teve como evitar a batida na largada em Mônaco e disse ter sido vítima do azar;
- Jarier, Cheever e Giacomelli reclamaram muito de suas equipes, LPR e Hallan, que não prepararam pneus slicks para a corrida e viram seus pilotos acabarem se acidentando após os pneus de chuva estourarem quando a pista secou. A Essex, patrocinadora da LPR, cobrou resultados e comentou que se continuar neste ritmo terá que cancelar o contrato de patrocínio;
- Arnoux reclamou muito do acerto de seu Bleutter e comentou que a equipe está vivendo o ridículo nesta temporada. Se não reagir, a equipe corre o risco de perder o patrocinador.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reações - Mônaco

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:18

Giovane Biscazzi
Em resposta às críticas da imprensa marrom de que a Biscazzi vive uma temporada bem aquém das anteriores, Giovane Biscazzi disse apenas que depois da tempestade virá a bonança e que este é o preço que a equipe de Verona decidiu pagar para dar as condições necessárias para Jody Scheckter disputar e conquistar o título mundial de 1982.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Goodyear acerta volta com três equipes

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:20

Fittipaldi, Tyrant e Winhill calçarão os pneus americanos já na próxima corrida, em Dijon-Prenois
The Daily Telegraph

Após meia temporada ausente da F1, a fabricante americana de pneus Goodyear acertou seu retorno, após negociar nas últimas semanas com cinco equipes e firmar acordo com três: Fittipaldi, Tyrant e Winhill. A empresa retomou o desenvolvimento de seus compostos e prometeu às três os pneus mais aderentes da categoria até o final da temporada.
o porta-voz da Goodyear comentou sobre as negociações: "Negociamos com cinco equipes e escolhemos as que apresentavam melhores condições de atingir bons resultados conosco. Com a Fittipaldi, sendo uma equipe forte e estável há várias temporadas, assinamos imediatamente. Já Tyrant e Winhill são equipes com um passado de algum sucesso, que estão se reerguendo e podem voltar a brigar por vitórias em breve. Acreditamos que fizemos excelentes acordos com as três. Agradecemos ainda Byron e Project Four pelo interesse e esperamos voltar a negociar para o ano que vem, quando assinaremos com mais uma equipe", declarou.
Paralelamente ao anúncio da volta da Goodyear, a FIA já estabeleceu que na próxima temporada os fabricantes de pneus dividirão igualmente o fornecimento para equipes, cada um ficando com quatro times, ou cinco se dois deles tiverem apenas um carro.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Espanha

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:24

- Piquet festejou muito a vitória e disse continuar confiante na disputa pelo título mesmo com a segunda metade da temporada contendo pistas velozes que favorecem à Ferrari. A consistência e os bons acertos podem ser cruciais para o time no campeonato;
- Fittipaldi lamentou não ter transformado a pole em vitória, mas ressaltou a boa disputa contra Rosberg e disse estar razoavelmente contente com o segundo lugar, voltando ao pódium e aproximando a Fittipaldi dos ponteiros no campeonato de construtores;
- De Angelis disse fazer o que pôde, mas não foi possível acompanhar o ritmo de Piquet e Fittipaldi, que estavam muito rápidos e fizera jus ao desempenho melhor apresentado nos treinos;
- Hunt comemorou a volta aos pontos e mostrou-se confiante para a continuação da temporada, agora com a volta dos pneus Goodyear;
- Lauda comentou que o acerto do carro não foi o ideal e que ficou de mãos atadas na corrida, sem rimto para brigar com os ponteiros. O austríaco no entanto permanece confiante para a conquista do tricampeonato;
- Mansell elogiou a mudança no acerto que deixou o carro com outro comportamento para a corrida. O britânico no entanto lamentou mais um treino ruim da equipe e comentou que se tivesse largado mais à frente poderia ter chegado aos pontos;
- Rosberg lamentou a quebra do motor Ford-Cosworth de seu Williams, que lhe tirou um pódium praticamente certo. O finlandês espera manter o bom ritmo nas próximas provas e contar com um pouco de sorte para voltar a se aproximar de Lauda no campeonato;
- Patrese lamentou o incidente na largada, culpando Prost pela batida que furou um pneu e deixou o italiano fora da prova. O piloto da Fittipaldi tinha grandes expectativas na corrida, esperando brigar pelo pódium;
- Baldi pediu mais uma vez à equipe Rocca que contrate um engenheiro para trabalhar no acerto do carro, caso contrário será difícil conseguir classificação para as corridas.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

BMW anuncia fase final do desenvolvimento de um motor turbo visando F1

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:25

Montadora alemã está finalizando o projeto para a F1, mas equipe parceira ainda é icógnita
Bild

Após vários anos de sucesso na Formula 2, a BMW finalmente resolveu investir em um projeto visando a F1. A montadora alemã está em fase final de desenvolvimento de um motor turbo, para competir de igual para igual contra os Renault e Ferrari na principal categoria do automobilismo. Uma boa notícia para os times que ainda correm com motores aspirados.
Apesar da entrada na F1 já anunciada, a BMW ainda não tem uma equipe parceira para fornecer seus motores. Sabe-se somente que será apenas uma equipe-cliente em 1982, podendo futuramente expandir para mais times. As negociações deverão iniciar mais para o final da temporada.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - França

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:25

- Prost rebate críticas e garante ter potencial para ser campeão no futuro, pelo que foi mostrado em Dijon-Prenois. O francês comentou que agora finalmente "iniciou sua temporada";
- De Angelis elogia bom ritmo da Williams e afirma que primeira vitória é "questão de tempo". O italiano reiterou que a equipe está no caminho certo e tem sim chances de levar ambos os títulos;
- Fittipaldi lamenta a falta de rendimento dos Goodyear no final da prova, mas elogia fabricante de pneus americana, dizendo que não esperava ser tão competitivo na primeira corrida após o retorno da marca;
- Jones e Piquet comentaram que o acerto do carro não era o ideal e não puderam fazer mais do que o quarto e sexto lugares, respectivamente;
- Pironi respira aliviado após primeiros pontos e acredita em melhora da equipe nas pistas de alta, onde os motores turbo devem se sobressair;
- O incidente entre De Cesaris e Mansell, que ainda acabou sobrando para Johansson, gerou muita polêmica no paddock. Uns acusam o italiano como culpado pela batida, outros o britânico. Os pilotos defenderam-se reclamando da imprudência do adversário. A FIA afirmou que está de olho nos dois.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Grã-Bretanha

Mensagem  Saimon em 12/1/2013, 17:25

- Piquet, em êxtase com a vitória e a liderança do campeonato, comenta que contou obviamente com a sorte, mas as quebras da Ferrari não tiram o mérito da Savoia, visto que a equipe conseguiu superar a Renault na pista, que também contava com potentes motores turbo;
- Jones repete o discurso do companheiro e o parabenizou pela vitória, embora tenha lamentado não ter consigo se aproximar para brigar pela vitória;
- Pironi mostra-se aliviado com primeiro pódium na temporada da Renault, mas afirma que o desenho ainda está muito abaixo do esperado e a equipe precisa melhorar mais para vencer;
- Lauda e Prost lamentaram as quebras e pediram à equipe que trabalhassem duro para que não se repetissem;
- Hunt e Johansson ficaram chateados com o acerto do carro nos treinos, que lhe custaram várias posições no grid, e também o acerto do motor para a corrida, o qual consideraram muito conservador. O mesmo comentário foi feito também à estratégia de corridas. Segundo os pilotos, é preciso tentar completar as provas inteiras com o mesmo jogo de pneus, caso contrário ficará difícil conseguir pontuar novamente nesta temporada;
- Warwick culpou o acerto do carro pela não qualificação. O britânico ficou chateado por não poder correr em casa;
- De Cesaris tomou uma dura dos comissários da FIA após mais um acidente. O piloto tomará uma suspensão caso volte a provocar batidas.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Alemanha

Mensagem  Saimon em 23/1/2013, 20:32

- Lauda agradeceu à equipe Ferrari pelo excelente carro que disponibilizou para esta corrida e pediu desculpas pelo erro nos treinos, que caso não tivesse acontecido poderia ter facilitado mais as coisas. O piloto sente-se aliviado em voltar à liderança do campeonato e segue confiante na briga pelo título;
- Pironi lamentou não ter conseguido a vitória, mas comentou que a Ferrari estava muito rápida e foi impossível segurar Lauda. O francês no entanto ressaltou a evolução do time nas últimas provas e espera lutar pela vitória novamente nas próximas provas;
- Piquet comentou que fez o que pôde e o terceiro lugar foi o melhor resultado possível que poderia conseguir hoje. O brasileiro lamentou a perda da liderança no campeonato, mas frisou que nada está perdido e que virá com tudo na próxima prova;
- Prost lamentou mais uma quebra e afirmou que a equipe precisa trabalhar mais na durabilidade de seus motores caso queira conquistar o título de construtores;
- Laffite também ficou bastante chateado com a quebra no turbo de seu Renault. Quando perguntado sobre a possibilidade de permanecer na Renault na próxima temporada, o piloto comentou que ainda não sabe o que fará no ano que vem e que se não tiver um carro competitivo e confiável poderá inclusive pensar na aposentadoria;
- Hunt e Johansson fizeram duras críticas à estratégia de corrida da equipe Tyrant, exageradamente conservadora na opinião dos pilotos. O britânico alertou que a equipe precisa tentar chegar ao final sem fazer paradas e tentar administrar o desgaste dos pneus. Outro fato que incomodou os pilotos foi o acerto no motor, que segundo os mesmos reduziu a potência, buscando mais durabilidade. Hunt falou que este tipo de acerto é inaceitável em circuitos velozes, onde sem potência não há como conseguir os resultados que a equipe almeja.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Áustria

Mensagem  Saimon em 6/2/2013, 20:24

- Prost lamentou o problema com pneu de Lauda, mas comemorou a vitória, pois largou na pole e merecia tal resultado. O francês ainda acredita poder terminar na terceira posição no campeonato e ajudar a Ferrari a conquistar o título de construtores;
- Pironi comemorou o pódium e ressaltou a evolução da Renault nas últimas provas. "Só falta a vitória", falou o francês;
- Laffite mostrou-se aliviado com o pódium finalmente conquistado na temporada, mas alimentou os rumores de aposentadoria ao dizer que precisa ter um carro realmente competitivo para seguir motivado. Sobre o acidente com Piquet, o francês culpou o brasileiro, pois a ultrapassagem já estava praticamente feita quando ocorreu o toque;
- Lauda mostrou-se bastante abatido com o furo no pneu traseiro esquerdo que lhe tirou da prova a três voltas do fim, quando vinha em uma vantagem tranqüila na liderança. O austríaco queria muito conquistar a vitória diante dos fãs e atribuiu o problema ao azar. Mas pediu à Michelin que investigasse à fundo as causas do problema;
- A Michelin prometeu à equipe Ferrari que irá investigar as causas do furo no pneu de Lauda e prometeu trabalhar duro para melhorar ainda mais a durabilidade de seus compostos, mas comentou que o problema ocorrido na Áustria foi um fato isolado;
- Rosberg pediu desculpas à Scheckter pelo acidente que tirou ambos da prova, assumindo o erro e só tendo a lamentar pelo ocorrido;
- Piquet preferiu não comentar o acidente com Laffite;
- Arnoux e Tambay reclamaram muito do acerto da Bleutter e comentaram que isso tem acontecido com freqüência nas últimas temporadas. Ambos afirmaram que não pretendem ficar na equipe na próxima temporada. Arnoux tentará uma vaga em uma equipe mais competitiva (boatos lhe colocam na Renault, com a aposentadoria de Laffite). Já Tambay, desmotivado após sete anos na categoria sem conseguir marcar um único ponto, negocia sua ida para a CART, nos EUA;
- Hunt foi outro que reclamou do acerto da Tyrant. O britânico falou que o acerto melhorou do treino para a corrida, porém ainda não estava ideal;
- Baldi afirmou que desistiu de cobrar a diretoria da Rocca para trazer um engenheiro e que a equipe não faz nada para melhorar seu desempenho e conseguir se classificar para as provas.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1981 - Sala de Imprensa

Mensagem  Daniel King em 7/2/2013, 21:36

A Tyrant pede desculpas à seus pilotos pela perda de desempenho do motor em corridas, justificando que a equipe visava tentar evitar quebras dos mesmos, que já são muito sensíveis. Porém, mesmo com essa cautela, não vem tendo os resultados desejados e por isso garante que não irá mais repetir tais erros. A equipe cobrou ainda, de Brian Hart, sobre o porque seus motores são tão menos duráveis que os das concorrentes, como a Ferrari, que tem durabilidade equivalente e, mesmo com um acerto visando aumentá-la, não vem surtindo efeitos.

A equipe, ante as diversas críticas dos pilotos, cobra dos mesmos um pouco mais de cautela ao guiar seus carros em pista, tendo em vista a grande quantidade de abandonos por acidentes. Segundo nossas estatísticas, os abandonos por acidente são de seis, curiosamente o mesmo número relacionado aos motores. Para a equipe comece a arriscar como os pilotos querem, temos de ter a certeza de que vão responder à altura na pista.
avatar
Daniel King

Mensagens : 338
Data de inscrição : 19/12/2012
Idade : 98
Localização : Glasgow, Escócia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Holanda

Mensagem  Saimon em 25/2/2013, 19:50

- Lauda respirou aliviado após "susto" com problema na pressão do combustível e comemorou a vitória que lhe colocou à doze pontos de diferença para Piquet na classificação do campeonato. O austríaco porém afirmou que nada está ganho ainda e que irá com tudo para Monza, para buscar mais uma vitória que pode até lhe dar o título antecipado;
- Rosberg comemora volta ao pódium depois de várias corridas e afirma que ainda é possível para a Williams conquistar o título de construtores. O finlandês comentou que será muito difícil alcançar Lauda no mundial de pilotos, porém está focado na disputa entre os construtores;
- Fittipaldi lamentou a falta de durabilidade dos pneus Goodyear, que lhe tirou o segundo lugar em Zandvoort, mas declarou estar aguardando ansiosamente a nova atualização dos compostos, prevista para as duas últimas corridas da temporada. O brasileiro ainda crê em vitória nesta temporada e acredita que é possível alcançar a Williams no mundial de construtores;
- Hunt agradeceu à equipe pela confiança na estratégia sugerida, que mostrou-se eficiente com a volta da equipe à zona de pontuação. O britânico também aguarda a atualização dos pneus Goodyear para as últimas duas etapas, onde acredita ser possível brigar por mais um pódium;
- Piquet lamentou a quebra logo no início que, combinada com a vitória de Lauda, dificultou muito suas chances no campeonato. O brasileiro comentou também que está mais do que na hora de rever o acerto para Zandvoort, que nunca foi o ideal. Jones, que chegou em um discretíssimo nono lugar, compartilhou da mesma idéia.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Rapidinhas - Itália

Mensagem  Saimon em 10/3/2013, 15:34

- Lauda comemorou muito a vitória, mas fez questão de dizer que nada está ganho ainda e que dará tudo de si nas últimas provas para conseguir os pontos que precisa para ser campeão e também ajudar a Ferrari a ganhar o campeonato de construtores;
- Piquet comentou que o segundo lugar era o melhor que poderia fazer em Monza, visto que a Ferrari estava imbatível. O brasileiro fez questão de alertar os fãs que não desistiu do campeonato ainda e que a Savoia tem boas chances das duas provas finais. Piquet pediu ainda que os fãs torçam para Lauda quebrar (seguido de risos);
- Laffite lamentou o ritmo de corrida da Renault e disse estar decepcionado com a performance do time, que não investiu em um novo motor para esta temporada e ainda deixou de trabalhar no novo chassi para a próxima. O francês falou ainda que revelará seu futuro em breve, que pelo visto não será na Renault ou até mesmo na F1;
- Johansson festejou o primeiro ponto de sua carreira e agradeceu à equipe pela oportunidade que lhe deu na F1. Porém, o sueco comentou que esperava o motor Hart acertado com pressão máxima e que poderia ter conseguido um resultado ainda melhor;
- Os boxes da Terrible Emerson ficaram em festa por várias horas após a corrida, depois do décimo lugar conquistado por Derek Warwick. O britânico comentou que este resultado pode garantir o futuro do time na F1;
- Prost lamentou mais uma quebra e espera que a equipe trabalhe forte na durabilidade dos motores para a próxima temporada. Segundo o piloto a equipe poderia estar muito melhor no campeonato de construtores caso os turbos não quebrassem tanto.
avatar
Saimon
Admin

Mensagens : 2443
Data de inscrição : 11/12/2012
Idade : 33
Localização : Jaraguá do Sul

Ver perfil do usuário http://gpmanager.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1981 - Sala de Imprensa

Mensagem  sowws em 10/3/2013, 15:55

Terrible Emerson em festa

Após terminar a corrida num suado decimo lugar o chefe da equipe fez um breve comentario.

"Estamos muito felizes com o time nesta corrida, Derek Warwick sabe que tem nossa confiança e no próximo ano sabemos das dificuldades, mas vamos lutar para nas ultimas etapas consigamos manter o nivel. Tivemos muitos azares nas corridas onde nosso planejamento era terminar em boas posições, esperamos que na proxima temporada tenhamos mais sorte, e dinheiro para algumas breves mudanças."
avatar
sowws

Mensagens : 32
Data de inscrição : 08/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1981 - Sala de Imprensa

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum